domingo, 31 de março de 2019

Coleção: Totaku de Shadow; livro para colorir

Neste mês, finalmente consegui pôr minhas mãos na figura Totaku de Shadow of the Tomb Raider! Como um todo, estou bem satisfeito com os detalhes da figura, principalmente considerando sua escala (mede aproximadamente 10cm), mas não nego que gostaria de ver uma figura na linha Play Arts Kai, como tivemos para Rise e TR2013.

As figuras Totaku surgiram como uma resposta aos amiibo, tais quais Sheik e Samus. Eu ainda tenho esperanças de que Lara Croft ressurja nas plataformas Nintendo (ports de jogos já existentes seriam excelentes para preparar terreno para que ela se una aos demais ícones da indústria em Super Smash Bros., dona Square Enix!) e torne-se um amiibo, preferencialmente em seu visual neoclássico. Sonhar ainda não custa nada...

Devaneios à parte, também recebi o livro para colorir da editora Dark Horse, e ele é magnífico! É bem grande, medindo cerca de 25x25cm, e as 45 ilustrações são bem divididas entre os diferentes títulos da franquia. Além dos jogos, também inclui artes inspiradas pelas histórias em quadrinhos, e todas elas são acompanhadas de uma citação de Lara. Muito bom.

Elas estão divididas da seguinte forma:
  • 2 artes mistas (a da Mansão Croft, abaixo, e a arte de capa);
  • 13 artes da saga original (2 de TR1, 3 de TR2, 2 de TR3, 2 de TR4, 2 de TR5, 2 de AOD);
  • 6 artes da trilogia Legend (2 de TRL, 2 de TRA, 2 de TRU);
  • 14 artes da saga reboot (2 de TR2013, 3 de Rise, 9 de Shadow);
  • 6 artes da subfranquia Lara Croft (2 de LCGOL, 2 de LCTOO, 1 de Relic Run e 1 de Go);
  • 4 artes inspiradas pelas HQs (2 da era Top Cow, 2 da era Dark Horse).
Você pode conferir uma breve prévia do livro no site da editora. Aliás, vale relembrar que algumas das ilustrações foram enviadas por fãs através de um concurso. A princípio, um livro digital complementar foi criado com as demais artes e distribuído entre os participantes. Com sorte, também será disponibilizado para o público geral em um futuro próximo...

sexta-feira, 29 de março de 2019

Trailer de lançamento de The Grand Caiman


O sexto pacote de conteúdo adicional para Shadow of the Tomb Raider já está disponível! Em The Grand Caiman, Lara retorna à Missão de San Juan onde recebe notícias de que um grupo da Trinity ficou para trás e se instalou no templo do deus das montanhas e vulcões, Zipacna...

Publicarei minhas capturas de tela dessa nova aventura apenas em duas semanas, com o intuito de minimizar spoilers, mas devo atualizar todos os meus guias com o conteúdo novo no decorrer deste final de semana.

quarta-feira, 27 de março de 2019

Imagem do traje do DLC The Grand Caiman

Estamos cada vez mais perto do fim... Dos sete pacotes de DLC programados para Shadow of the Tomb Raider, o sexto, intitulado The Grand Caiman, será lançado nesta sexta-feira, dia 29 de março.

Como de costume, a Eidos Montréal já liberou a imagem do traje incluso nesse pacote. Intitulado Reptile Hide, ele parece ser uma variante do traje Brocken, parte do DLC The Forge, com algumas diferenças nos acessórios. Uma versão com cores alternativas será oferecida como recompensa por completar a nova missão paralela.

A atualização que prepara o jogo para o novo DLC já está online, e ela também inclui suporte aos modos Time e Score Attack para a última tumba do jogo base, Tree of Life. Curiosamente, duas tumbas via DLC estão listadas como "em breve" agora. Pode ter sido um mero descuido dos desenvolvedores, mas talvez tenhamos algum tipo de surpresa ainda não anunciada a caminho...

terça-feira, 19 de março de 2019

Assista ao vídeo The Making of a Tomb Raider


A Square Enix publicou, através do canal oficial de Tomb Raider no YouTube, o filme/documentário The Making of a Tomb Raider. Esse vídeo fazia parte de uma apresentação especial, que foi exibida uma única vez em alguns poucos cinemas ao redor do mundo na semana em que Shadow of the Tomb Raider foi lançado.

No decorrer de uma hora, Clair Marie, praticante de BASE Jumping, realiza uma série de desafios inspirados pelas habilidades de Lara Croft nos jogos após TR2013, incluindo provas de tiro com arco e escalada com picaretas.

É indicado especialmente para aqueles que gostam de programas como Ninja Warrior.

Versão de Shadow para PC recebe RTX e DLSS


Shadow of the Tomb Raider recebeu hoje uma nova atualização, exclusivamente em sua versão Steam. De forma mais específica ainda, se aplica somente a um seleto grupo de usuários de placas de vídeo nVidia.

Essa atualização era aguardada pelos gamers mais entusiastas com seus sistemas de última geração, pois permite o uso de uma nova técnica de iluminação chamada de Ray Tracing. A nVidia havia usado o próprio Shadow na apresentação dessa técnica, ainda antes do jogo ser lançado, o que tornou essa uma espera relativamente longa.

Este vídeo, postado pelo canal PCGamer Tech, demonstra esse recurso em um comparativo lado-a-lado. Certifique-se de assistir em 1440p (e em tela cheia, preferencialmente).

[Atualizado em 20/03/2019:] Vídeo oficial inserido no topo da postagem.

Slayer's Gauntlet

segunda-feira, 18 de março de 2019

Patch revitaliza engine de Dagger of Xian

Dando continuidade a minha maratona, que está andando muito mais devagar do que o ideal, alguns dias atrás encerrei mais uma partida de Dagger of Xian. Ao contrário de Atlantean Scion, esse jogo não é tão difícil de rodar em sistemas operacionais modernos e, portanto, o suporte da comunidade em termos de recursos e utilidades é menor.

De qualquer forma, vale a pena conferir o TR2Main, que ainda está sendo desenvolvido pelo fã Arsunt. Com o principal intuito de restaurar e revitalizar certos recursos de TR2, esse projeto atenua as diferenças entre as versões para PC e PlayStation. São melhorias sutis, mas que tornam o jogo muito mais agradável esteticamente.

Com poucos cliques, é possível customizar o fundo da tela de inventário (alternando entre a textura estática original da versão PC, a versão animada do PSX, ou ainda uma versão translúcida similar aos outros jogos da série), adicionar cores às barras de energia e ar e, mais importante de tudo, o patch já traz embutido o suporte para usar a resolução nativa com perspectiva corrigida em monitores widescreen.

Como as minhas capturas de TR2 estavam levemente distorcidas por conta da ausência de widescreen na época, optei por reconstruir as galerias nessa nova partida. O patch ainda não oferece suporte ao Golden Mask, mas isso certamente está nos planos do programador que até já compartilhou uma bela reconstrução da imagem da tela principal no TRF.

Para um exemplo prático, compare a imagem no topo dessa postagem, do nível Tibetan Foothills, com a captura equivalente que eu havia produzido originalmente para o blog em 2012, que você pode conferir clicando neste link. O computador é exatamente o mesmo, mas a diferença é absurda, graças a possibilidade de expandir a distância renderizada pela engine.

Após copiar os arquivos para o diretório do jogo, você pode ativar as chaves de registro dentro do diretório ExtraOptions\. É provável que novas chaves sejam disponibilizadas com a versão final do patch, mas as opções atualmente disponíveis em uma versão beta certamente valem sua atenção.

sexta-feira, 15 de março de 2019

Primeiro aniversário de Tomb Raider: A Origem

Hoje, 15 de março, faz exatamente um ano desde que Tomb Raider: A Origem estreou nos cinemas nacionais. O filme, protagonizado pela incrível Alicia Vikander, aplicou os mesmos princípios usados no reboot da franquia nos games, tentando revitalizar sua contraparte cinematográfica.

A recepção do filme foi mista — mesmo entre os fãs —, mas é válido notar que o filme possui uma média superior aos filmes anteriores (que também divertem, não se deixe levar pelo negativismo alheio!). Entretanto, esse fator não foi correspondido pelos números de bilheteria, que ficaram próximos de Cradle of Life mas muito aquém de Lara Croft: Tomb Raider.

Neste momento, a franquia como um todo aparenta estar presa em uma encruzilhada e o seu futuro não está tão claro. Será que teremos um segundo filme nessa nova continuidade? Eu estou fazendo o possível para continuar otimista diante deste cenário, botando fé nas palavras de Meagan Marie em uma das apresentações especiais inclusas no Blu-Ray do filme.

Enquanto aguardo pelo anúncio de uma continuação, acabei me rendendo às facilidades do Netflix e assisti a outros filmes de Alicia, tais como A Garota Dinamarquesa — que lhe rendeu um Oscar —, Sangue Jovem e Juventudes Roubadas. Ela é, sem sombra de dúvidas, uma atriz fora de série. Como fãs de Tomb Raider, tivemos muita sorte que ela aceitou o papel e encarnou Lara Croft com tamanho entusiasmo e dedicação.

Se a GK Films e a Warner Bros. foram espertas — e se realmente confiavam na viabilidade da franquia nos cinemas —, um contrato para múltiplos filmes foi assinado. Quaisquer críticas que você tenha sobre A Origem, certamente nenhuma recai sobre a atriz.

Ah, o propósito dessa postagem era simples: tome algumas horinhas do final de semana para assistir ao filme mais uma vez. Também convido os leitores a navegar pelo marcador do filme e relembrar os tempos de outrora aqui no blog.

terça-feira, 5 de março de 2019

Trailer de lançamento de The Serpent's Heart


Shadow of the Tomb Raider recebeu hoje seu quinto pacote de conteúdo adicional. Em The Serpent's Heart, Lara parte em busca de uma arma poderosa o suficiente para derrotar o deus Kukulkan. Para encontrá-la, ela deve sobreviver a uma série de armadilhas que protegem a relíquia.

Mantendo o mesmo modus operandi, vou segurar minhas capturas de tela por duas semanas para evitar spoilers (mesmo que a história do DLC não afete diretamente a campanha). Entretanto, já estou atualizando os meus guias de troféus, de equipamentos e de expedições. Confira!

domingo, 3 de março de 2019

OpenLara, engine de código aberto de TR


Se você acompanha os acontecimentos dentro do fandom, certamente já ouviu falar no projeto OpenLara. Muitos até mesmo se atrevem a usar o termo "remasterização" para descrevê-lo, mas essa é uma palavra limitada para uma perspectiva limitada (estou parafraseando Legend, sim). 

OpenLara é, na verdade, uma reconstrução em código aberto da engine de Atlantean Scion, sendo desenvolvida pelo fã russo XProger desde 2016. Sem as limitações de hacks e engenharia reversa, essa abordagem permite que ele desenvolva recursos que sequer existiam quando TR1 foi concebido.

Entre os exemplos mais facilmente notáveis estão os sistemas dinâmicos de iluminação e de simulação de água, mas isso é apenas o começo. Eu planejava destacar este projeto há algum tempo, mas como os avanços e desenvolvimentos são constantes e contínuos, eu nunca encontrava "a hora certa." Não consegui gravar um vídeo próprio, porém, por limitações de hardware.

De acordo com o mapa de desenvolvimento, o TR1 já pode ser jogado do começo ao fim sem grandes problemas, mas alguns refinamentos ainda serão feitos, em particular no que tange a inteligência artificial dos inimigos.

A portabilidade do projeto tem sido a prioridade para o programador, e é impressionante ver essa belezinha rodando em tantas plataformas diferentes, desde smartwatches até o Nintendo Switch. Isso sem esquecer, claro, que existe uma versão online que funciona no próprio navegador!

No futuro, Dagger of Xian e Adventures of Lara Croft também devem ser compatíveis com essa nova engine. É um projeto ambicioso, sem dúvidas, mas o resultado parcial já é incrível. Imagine, então, quando estiver finalizado!
[ OpenLara — Website | Facebook | YouTube | Github ]

sexta-feira, 1 de março de 2019