quinta-feira, 30 de agosto de 2012

Memento do fórum Lara's Home: Casamento de Lara


Durante a existência do fórum Lara's Home (2003 a 2006, salvo engano), Magnus, integrante da Suécia, possuia um tópico no qual publicava tirinhas cômicas sobre todos os participantes. As tirinhas eram hilárias e, após reler as quase 300 tirinhas recentemente, devo dizer que fui tomado pela nostalgia. Bons tempos eram aqueles. A minha estreia como personagem aconteceu na tirinha n.18:

 
"Quando Lucas acordou,
percebeu que tinha um problema."

Ao contrário de muitas das outras, você não precisava "estar lá" para entender essa tirinha. O impacto que ela teve em mim foi bastante grande, acabei me tornando um grande admirador e até possuia um site, hospedado dentro do próprio fórum, onde catalogava todas as tirinhas, assim como os avatares e pixel arts (usados no topo da mensagem). O site hoje está perdido, mas a coleção completa está devidamente arquivada e é, sem dúvida, um tesouro digital para mim.

As tirinhas se mostraram populares o suficiente para que Magnus fosse convidado pelo portal Lara's Levelbase para criar uma série baseada em Tomb Raider, e anos mais tarde, eu também o convenci a criar mais três tirinhas tão somente para ilustrar o guia não-oficial de Underworld do portal Tomb Raider Inc. Nos idos finais do fórum, ele montou um papel de parede com os personagens:

Ocasionalmente ainda conversamos e, numa dessas conversas recentes, ele me mostrou um de seus novos hobbies: estava modelando diversos Pokémon em biscuit. Brinquei, dizendo que ele devia fazer algo no estilo das tirinhas. Para minha surpresa, ele já tinha feito uma Lara Croft. Não resisti e pedi que ele recriasse a tirinha do meu casamento. É com imenso orgulho que tenho essa peça única exposta em minha coleção. Minúscula em escala, mas imensurável em significado.


quarta-feira, 29 de agosto de 2012

Matéria de Tomb Raider na EGW de junho

Sim, estou ciente de que havia prometido essa postagem para cerca de um mês atrás, mas nas últimas semanas fui dominado pelo meu PlayStation 3: não bastassem as maratonas diárias de Uncharted 3, desde que a atualização 1.13 com seus 50 novos troféus saiu, adquiri Darksiders II na semana passada e tem sido difícil me desprender. Felizmente, isso coincidiu com uma viagem que a Stella teve que fazer, todavia devemos retomar nossa jogatina de Guardian of Light em breve.

Enfim, a EGW n.128 traz um artrigo de uma página sobre Tomb Raider. Era época de E3, portanto, assim como o último artigo que postei aqui, é apenas uma transcrição do trailer Crossroads. Aproveito este gancho para compartilhar que a edição mais recente da publicação, n.130, traz um novo artigo sobre TR, e uma pequena prévia do artigo em questão pode ser vista através do download gratuito da respectiva EGW Express.

sábado, 18 de agosto de 2012

sexta-feira, 17 de agosto de 2012

quinta-feira, 16 de agosto de 2012

Temple of Light












Lara Croft and the Guardian of Light

Eu pretendia ter iniciado este jogo assim que encerrei Underworld (levando em consideração que não disponho dos recursos necessários para produzir e postar screenshots dos pacotes de expansão do mesmo jogo), porém como o jogo foi desenvolvido com foco primário no modo cooperativo, preferi esperar para começar apenas quando minha parceira estivesse disponível. E por parceira, me refiro à Stella, uma das mais conhecidas webmistresses do fandom de Tomb Raider. Como seu guia para o modo cooperativo não estava concluído, me voluntariei para ajudar. 

Quanto ao jogo, obviamente não se trata de Tomb Raider convencional, tanto que sequer carrega o título da franquia. Em 14 fases isométricas, todas ambientadas no México, Lara Croft une-se ao guerreiro maia Totec na busca pelo artefato conhecido como Mirror of Smoke para banir o maligno Xolotl da existência. Ok, a história talvez não tenha recebido tanta atenção quanto esperado, mas o jogo é sensacional, repleto de ação e sequências de plataforma elaboradas para um jogo do estilo. 



O jogo recebeu cinco pacotes de expansão. Três destes pacotes incluem desafios variados, que certamente vão figurar aqui no blog, enquanto os outros dois trazem personagens de outras franquias da Eidos. A relação completa dos DLCs, bem como seus respectivos preços, pode ser conferida neste quadro que eu montei com exclusividade para o fórum oficial na época:
Guardian of Light foi distribuído somente em formato digital. Um acordo de exclusividade temporário com a Microsoft garantiu o lançamento pela Xbox Live em agosto de 2010, enquanto a PlayStation Network e a Steam só receberam o jogo no mês seguinte. Curiosamente, a versão de Xbox 360 é a única que não tem acesso à todos os DLCs. Meses mais tarde o jogo recebeu uma versão para iOS, e, mais recentemente, também foi revelado como um título para o Chrome.

sábado, 11 de agosto de 2012

Participação em Restless in Paris

Ainda não tive a oportunidade de iniciar Lara Croft and the Guardian of Light pois tem sido uma época em que a vida está determinada a mostrar quem está no comando, causando todos os tipos de contratempos possíveis. Aproveitei-me desa brecha para jogar (e completar) um nível do Level Editor com o qual eu colaborei de forma inusitada.

Restless in Paris já contempla quase oito anos de estrada, foi desenvolvido e publicado quando o fórum Lara's Home ainda existia. A autora, Miss Kroft, havia solicitado dubladores para o projeto e eu me voluntariei. Quando foi lançado, eu havia iniciado o nível, mas devido a sua natureza pouco linear, confesso que nunca havia feito muito progresso. Desta vez, entretanto, não desisti e consegui finalizá-lo, intercalando com jogatinas praticamente diárias de Uncharted 3.

Abaixo segue um vídeo que eu gravei e converti (porcamente, pretendo aprender edição de vídeos para continuar trazendo conteúdo assim para o blog) da introdução do nível. Uma coisa que eu não lembrava é que um dos outros dubladores é ninguém menos que GeckoKid, de quem vocês certamente já ouviram falar.


Como espectador, duas coisas se sobrassaíram nessa minha participação: a qualidade do microfone que utilizei, beirando o patético em comparação aos microfones do GeckoKid e da Aims; e, obviamente, meu inglês. Se estivesse dotado de equipamentos adequados, essa seria uma forma com a qual eu adoraria voltar a colaborar com a comunidade do TRLE, mas, por enquanto, vou me contentar com essa reminiscência.

[ * * * ] 

quinta-feira, 9 de agosto de 2012

Nova camiseta da Nerd Machine

Ela já havia figurado anteriormente no blog oficial, mas somente nesta terça-feira foi disponibilizada para o público. Eu normalmente não teria pressa em adquirir um item assim, ainda mais que os itens promocionais do aniversário de 15 anos da franquia ainda estão disponíveis, mas pensei melhor e lembrei do ocorrido com a camiseta da Insert Coin Clothing e, para não correr o mesmo risco, acabei de colocar o meu pedido.

Ainda veremos outros produtos através da Nerd Machine, inspirados pelo novo Tomb Raider. Acho que não devem demorar a surgir, falando nisso, afinal uma das fotos era um pequeno teaser.

sábado, 4 de agosto de 2012

Matéria de Tomb Raider na ROX

Sim, estou bastante ciente do atraso desta postagem, poderia argumentar dizendo que estou apenas honrando minha fama de procrastinador, mas vamos relevar a questão. Esta revista, que tem uma das piores capas que já vi em qualquer publicação nacional de games, talvez nem esteja mais em circulação, embora o editorial diga que seja de agosto de 2012. De qualquer forma, falo da Revista Oficial do Xbox n.69.

A matéria, de quatro páginas, pode ser resumida como uma transcrição do vídeo que a própria revista divulga através de código QR. Estou incluindo o referido vídeo abaixo; todos já viram, mas pela mera conveniência, aqui está.


Tenho outra revista, também do mês passado, com um pequeno artigo sobre Tomb Raider na E3, mas uma coisa de cada vez. Até o próximo final de semana eu posto.